Crítica – 1ª temporada | This Is Us – A série mais emocionante dos últimos anos

Crítica – 1ª temporada | This Is Us – A série mais emocionante dos últimos anos

COMPARTILHE!

This is Us é uma série que está fazendo muito sucesso nos EUA. Por ser uma das maiores audiências da TV aberta americana, recebeu 10 indicações ao EMMY, concedendo o prêmio de melhor ator para Sterling K. Brown (merecido). A série é focada na vida do casal Jack ( Milo Ventimiglia ) e Rebecca ( Mandy Moore ) que está prestes a ter trigêmeos. Além deles, também há outros três personagens que são conectados ao casal: Randall ( Sterling K. Brown  ), abandonado ainda bebê e está à procura do pai, Kate ( Chrissy Metz ), que sofre por estar acima do peso, e Kevin ( Justin Hartley ), tentando ser um ator renomado.

Como explicar o sucesso que a série tem feito nos EUA? Apesar de ter uma premissa simples, o sucesso e a qualidade da série residem em contar histórias que podem ter acontecido, além de serem vivenciadas pelo publico que assiste. Muitas vezes o espectador vai se identificar com muitos personagens e seus dramas vividos. Outro fator importante da série são as atuações dos atores e os destaques que são dados a todos os personagens: todos são bem desenvolvidos e você se importa com todas as histórias e situações.

Participe do nosso GRUPO ESPECIAL do Facebook» https://goo.gl/kg8NYU


This is Us é uma série que já começa de forma sensacional! A montagem do episódio-piloto é brilhante e a forma como é conduzida a história desses personagens durante os 18 episódios dessa primeira temporada impressiona, com a certeza de que irá emocionar o público a cada situação. Dois personagens que não são do núcleo principal merecem destaque: William ( Ron Cephas Jones ) e Dr. Nathan Katowski ( Gerald McRaney ). É impossível não se emocionar com seus diálogos: são atuações espetaculares e, vêm deles as melhores frases da série, que certamente levarão a muitas reflexões.

Com certeza, se o público brasileiro conhecer essa série, ela fará muito sucesso por aqui, por ter uma narrativa muito parecida com a maioria das novelas brasileiras. As histórias não são apelativas para fazer chorar, são dramas que muitas vezes são reais porque mostra a realidade de muitas famílias. Não vou falar mais porque senão vai perder a graça. Vale a pena conhecer as histórias dessas pessoas, se impressionar com as situações, se emocionar e muitas vezes chorar.


Crítica Liga da Justiça


» Siga o CinePOPno Facebook e no Twitter para saber todas as notícias sobre cinema! «

[AVISO]Os comentários passam por uma aprovação e podem demorar até 24 horas para serem disponibilizados no site. Comentários com conteúdo ofensivo serão deletados, e o usuário pode ser banido. Respeita a opinião alheia e comporte-se.

Mobilize your Website
View Site in Mobile | Classic
Share by: